Adoção: Como saber se você está pronta para adotar

Adotar uma criança é uma decisão muito importante e deve estar muito amadurecida pois a adoção é irreversível. Mais importante do que o caráter legal de sua irreversibilidade é estar consciente de que a criança que se adota, pode ter passado por situações traumáticas em diferentes níveis. Pode ter sido abandonada, retirada dos genitores por violência doméstica, negligência, ter ficado órfã. Consequentemente, até ser adotada, viveu em abrigos e experimentou sentimentos de abandono, desamparo e muitas vezes não compreende muito bem as razões pelas quais foi afastada do convívio familiar. Essa criança precisa ser acolhida plenamente, ser criada em um ambiente saudável sob todos os pontos de vista e ter suas necessidades emocionais e físicas satisfeitas.<p>Aquele que deseja adotar deve estar consciente das dificuldades que poderá enfrentar ( não necessariamente irá enfrentar ) e preparado para elas. </p><p>Então, se você deseja adotar uma criança, questione-se:</p><p>- O seu desejo de adotar esta vinculado a alguma insatisfação?</p><p>- Você quer adotar por que não conseguiu gerar uma criança e esta é sua última alternativa?</p><p>- Você acredita que ter um filho pode salvar um casamento que esta abalado ?</p><p>- Você quer adotar para dar um irmão a seu filho, para fazer companhia para o mesmo, mas na verdade não gostaria de ter mais filhos?</p><p>- Você quer adotar por que acredita que este filho vai cuidar de você na sua velhice?</p><p>- Você quer adotar, mas ainda não sabe como irá se organizar para conciliar filho e trabalho?</p><p>- Você quer adotar, mas seu parceiro não está seguro o suficiente, ou não compartilha do mesmo desejo que você?</p><p>- Você quer adotar, mas a sua idade ou saúde vai permitir acompanhar esta criança até sua maioridade e independência emocional e financeira?</p><p>- Você quer adotar, mas pensa ser melhor para a criança omitir sobre sua adoção?</p><p>- Você quer adotar, mas ainda tem muitas dúvidas sobre a adoção?</p><p>- Você quer adotar, mas acredita que pode ser um problema?</p><p>Enfim, se você respondeu sim para algumas dessas questões, talvez precise amadurecer um pouco mais antes de adotar.  Busque um profissional qualificado para ajuda-lo.       </p><p>           </p><p><i>                    " A hereditariedade pode transmitir características físicas, mas o caráter se constrói na relação com os pais".</i></p> Adotar uma criança é uma decisão muito importante e deve estar muito amadurecida pois a adoção é irreversível. Mais importante do que o caráter legal de sua irreversibilidade é estar consciente de que a criança que se adota, pode ter passado por situações traumáticas em diferentes níveis. Pode ter sido abandonada, retirada dos genitores por violência doméstica, negligência, ter ficado órfã. Consequentemente, até ser adotada, viveu em abrigos e experimentou sentimentos de abandono, desamparo e muitas vezes não compreende muito bem as razões pelas quais foi afastada do convívio familiar. Essa criança precisa ser acolhida plenamente, ser criada em um ambiente saudável sob todos os pontos de vista e ter suas necessidades emocionais e físicas satisfeitas.

Aquele que deseja adotar deve estar consciente das dificuldades que poderá enfrentar ( não necessariamente irá enfrentar ) e preparado para elas. 

Então, se você deseja adotar uma criança, questione-se:

- O seu desejo de adotar esta vinculado a alguma insatisfação?

- Você quer adotar por que não conseguiu gerar uma criança e esta é sua última alternativa?

- Você acredita que ter um filho pode salvar um casamento que esta abalado ?

- Você quer adotar para dar um irmão a seu filho, para fazer companhia para o mesmo, mas na verdade não gostaria de ter mais filhos?

- Você quer adotar por que acredita que este filho vai cuidar de você na sua velhice?

- Você quer adotar, mas ainda não sabe como irá se organizar para conciliar filho e trabalho?

- Você quer adotar, mas seu parceiro não está seguro o suficiente, ou não compartilha do mesmo desejo que você?

- Você quer adotar, mas a sua idade ou saúde vai permitir acompanhar esta criança até sua maioridade e independência emocional e financeira?

- Você quer adotar, mas pensa ser melhor para a criança omitir sobre sua adoção?

- Você quer adotar, mas ainda tem muitas dúvidas sobre a adoção?

- Você quer adotar, mas acredita que pode ser um problema?

Enfim, se você respondeu sim para algumas dessas questões, talvez precise amadurecer um pouco mais antes de adotar.  Busque um profissional qualificado para ajuda-lo.       

           

                    " A hereditariedade pode transmitir características físicas, mas o caráter se constrói na relação com os pais".

Algumas orientações sobre adoção
Tire Suas Dúvidas
Entre em Contato
*
*
*
Fone: (44) 9 9809-5689
marcianicolini@adotebem.com.br
Rua Santos Dumont, 2.314 sala 201 - Centro - Maringá - Paraná - Brasil

© Todos os Direitos Reservados à Adote Bem